Pratas da Casa celebram o Dia Nacional do Samba

62
0
Pratas da Casa comandaram as rodas de samba na cidade - Foto: Katito Carvalho

Para celebrar o Dia Nacional do Samba, comemorado no último domingo (02/12), a Praça Conselheiro Macedo Soares (Praça do Turismo) recebeu uma edição especial do projeto “Pratas da Casa”, organizado pela Prefeitura de Maricá através da Secretaria de Turismo.

O evento, que reuniu diversos amantes do gênero musical, começou com o cantor Ronaldo Valentim interpretando sambas tradicionais. “Maricá está sendo pioneira no sentido de levar a arte e a cultura para todos os lugares. Neste contexto, temos ações como esta da comemoração do Dia Nacional do Samba, que mostram como é possível viver em uma sociedade que valoriza a sua cultura, a sua música e as suas raízes”, ressaltou Ronaldo.

Em seguida foi a vez da roda de samba da cantora Jô Borges contagiar o público com sucessos de grandes nomes como Alcione, Jorge Aragão, Zeca Pagodinho, Luiz Carlos da Vila, Beth Carvalho, além de composições do seu mais novo CD, Jô Borges por Inteira. “Quem acompanha a minha carreira sabe que eu passeio por todos os ritmos, mas desta vez estou com um repertório especial. Nos últimos anos o Brasil abraçou o samba de uma tal forma, que não tem um canto onde você passe que não veja uma roda, e Maricá mostra isso de uma forma muito bonita, valorizando seus artistas”, destacou Jô.

Juciara Maria Muniz, de 58 anos, é baiana na Escola de Samba Viradouro, e deixou de estar em um ensaio técnico para prestigiar o evento da cidade. “Aqui o samba ainda está crescendo, por isso achei importante ficar e participar, para valorizar o que é nosso”, afirmou.

Para encerrar a noite, o grupo Tô Kerendo apresentou mais clássicos do ritmo, que para a carnavalesca e artista plástica Beth Morgado, vai além de um estilo musical. “É importante mostrar que o samba tem um legado forte, cultural, celebrar datas como esta é essencial”, finalizou.

Fonte: Prefeitura Municipal de Maricá

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.