Campus do IFF é inaugurado em Maricá

47
0

Centenas de pessoas, entre alunos, pais de alunos e autoridades, participaram nesta segunda-feira (11/03) da inauguração do novo Campus Avançado Maricá do Instituto Federal Fluminense (IFF), em Ubatiba. Erguido em uma área de 24 mil metros quadrados, sendo 5.400 m² de área construída e com capacidade para mais de 1.200 alunos, o complexo pedagógico, que durou cinco anos para ser concluído, conta com 12 salas de aula, uma biblioteca, refeitório, laboratórios, áreas de convivência, auditório, anfiteatro e uma quadra poliesportiva coberta, além de estacionamento e espaço reservado para um grêmio estudantil. A obra teve um custo total de R$ 12,2 milhões, em investimentos com recursos dos royalties do petróleo.

O prédio principal recebeu o nome de Washington da Costa, em homenagem dada pela prefeitura a um antigo professor do Cefet. Além do prefeito Fabiano Horta, do reitor do IFF, Jefferson Manhães, e do secretário de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Alexandro Ferreira de Souza, participaram também a secretária municipal de Educação, Adriana Luiza da Costa; o presidente da autarquia Serviços de Obras de Maricá (Somar), Renato Machado; o prefeito de Itaboraí, Dr. Sadinoel, além de representantes do Legislativo Municipal.

Durante a cerimônia solene, com a presença de centenas de estudantes que serão alunos do novo campus, o prefeito Fabiano Horta discursou, comemorando a entrega de um dos mais importantes equipamentos públicos instalados em Maricá nos últimos anos. “Não estamos entregando apenas um espaço físico, mas um local de entrelaçamento de saberes, um local onde as pessoas vão trocar conhecimento e que vai engrandecê-las. O IFF Maricá vai para além da dimensão municipal, vai cumprir um papel regional na formação de novos profissionais”, disse o prefeito Fabiano Horta.

Ainda segundo Fabiano, a conclusão do IFF Maricá marca o inicio de uma nova etapa de desenvolvimento na região. “Sabemos do compromisso e temos a necessidade do desenvolvimento que a nossa região do Leste Fluminense tem e a conclusão do IFF de Maricá e da breve conclusão futura do IFF de Itaboraí representam marcos de transformação na educação profissional da região e isso por nós precisa ser percebido e valorizado. Esse campus que fisicamente entregamos hoje é o começo do Parque Tecnológico que Maricá vai desenvolver para trazer geração de saberes, para trazer empresas , indústrias e universidades”, afirmou o prefeito.

Para Adriana Luiza da Costa, secretária de Educação, o Campus Avançado do IFF é a coroação da esperança e da ousadia de um governo que começou em 2009, sob a gestão do ex-prefeito Washington Quaquá e que teve continuidade no governo do atual prefeito, Fabiano Horta, com o desenvolvendo politicas educacionais. “Em 2014 tivemos a pedra fundamental e hoje em 2019 estamos aqui entregando essa obra que foi feita por varias mãos, foram muitas pessoas que trabalharam para que hoje pudéssemos ver a alegria dos alunos chegando neste campus para o seu primeiro dia de aula. A partir de agora esses alunos estão realmente em uma unidade que vai desenvolver cada vez mais o potencial da nossa juventude e da nossa população”, ressaltou Adriana.

Renato Machado, presidente da Somar, destacou o trabalho realizado pela autarquia. “Os últimos dias não foram fáceis, as chuvas que caíram recentemente atrapalharam nosso organograma, mas a equipe se manteve firme, pois queremos fazer tudo com excelência sempre”, frisou o presidente. “E por isso, agradeço a cada equipe, cada trabalhador, cada funcionário da Somar que se dedicou para que tudo estivesse pronto para essa inauguração. A parceria do IFF com a Prefeitura significa muito para o nosso município”, destacou Renato.

O reitor do IFF, Jefferson Manhães, observou que o Instituto já formou mais de 50 jovens em Maricá. “O que nós estamos vendo hoje é o resultado de um movimento de um município e de um conjunto de pessoas que querem e vem tentando alargar o horizonte de possibilidades de Maricá e o IFF é exatamente um espaço de alargamento de horizontes”, avaliou o reitor. “Esse movimento teve início com a gestão do ex-prefeito Washington Quaquá e do reitor que me antecedeu, o professor Luiz Renato Caldas, que juntos sonharam com esse espaço”, lembrou. “É preciso estimular os sonhos dos jovens e dizer para eles que venham para essa escola, porque essa escola não permite só sonhar, permite instrumentos concretos de transformação da vida”, avaliou Jeferson.

Alessandro Ferreira, secretário de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação afirmou que a construção de um país começa pela a educação. “É com grande alegria que participo da entrega dessa unidade. Acredito firmemente que não existe nenhum projeto de comunidade, de pais, de nação que não passe pela construção do conhecimento por uma educação de qualidade. E nesse sentido, parabenizo Maricá pelo empenho, força, dedicação e pela preocupação com o futuro da comunidade e dos jovens”, disse Alessandro.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: